Millenial walk of shame

Sigo uma Blogger/Youtuber inglesa desde a minha licença de maternidade. Adoro o look betinha chic dela, cabelo e maquilhagem sempre impecáveis. Como já tem uma boa base de seguidores, faz de escrever e filmar a sua profissão. É daquelas pessoas que gosto de acompanhar porque penso sempre que um dia em que a minha vida se organizar, quando a minha roupa deixar de ter nódoas ou cheiros característicos do mais pequeno, quando deixar de comprar camiões de roupa a cada mês para os dois, posso tentar cuidar de mim e da minha casa da mesma forma. Quer dizer, sem Gucci ou Bulgari, mas cuidando de mim um pouco mais.

Tudo muito bem, até ter descoberto hoje que nasceu em 88. Odeio-a.

Estou a brincar, não a odeio! No fundo sou uma senior Millenial com pensamentos adolescentes de uma Geração Z, com o peso nos ombros como se fosse uma Baby Boomer e com um coração rebelde tal qual Geração X. E não consigo odiar ninguém, seja qual for a geração pertinente para esta característica.

Antes 88 que 90. Se fosse de 90 odiava a sério!

***

I have been following an English Blogger / Youtuber since my maternity leave. I love her chic look, hair and make-up always perfect. She is also very nice and friendly, like a close friend always there to talk about all sorts of things. Since she already has a good base of followers, she writes and films as her full time job. It’s one of those people I like to follow because I always think that one day when my life gets organized, when my clothes stop having stains or characteristic smells from my kids, when I stop buying Trucks of clothes every month for both, I can try to take care of myself and my house in the same way. 

All was good, until I found out today that she was born in ’88. I hate her.

I am joking! I am a senior Millenial with the mind of a Generation Z, with the responsibility on my shoulders of a Baby Boomer and with the rebellious heart of a Generation X. And I cannot hate anyone, whatever Generation type that is included.

Better 88 than 90…if she was born in the 90’s I would really hate her.

Anúncios

One thought on “Millenial walk of shame

  1. Ah ah ah. Como te compreendo. Não gosto de ter 35 anos, mas adoro ter nascido em 81. E acho que actualmente nem faz tanto sentido definir gerações, mas sim mentalidades. Haja espírito jovem para sempre. Olha a Iris Apfel. 😉 Bjs e bom ano.

    Gostar

Uma opinião por dia...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s